Corridas no Jockey-Club/Grande Prêmio Cruzeiro do Sul/1908

.

.

* Localização

Careta, ano 1, número 3, 20 de junho de 1908

* Descrição

Corridas no Jockey Club/ Grande Prêmio Cruzeiro do Sul

* Comentário

O turfe foi o primeiro esporte a se organizar na cidade do Rio de Janeiro; o pioneiro clube foi fundado já em 1849, o Club de Corridas. Depois de um período de dificuldades, no quartel final do século XIX a modalidade se tornou muito popular, sendo, contudo, substituída na preferência popular, no final da década de 1890, pelo remo. Novos tempos apontavam para uma nova prática valorizada, e o turfe lembrava o rural, a aristocracia, costumes julgados antigos por um setor da cidade que aspirava progresso e modernidade.

Ainda assim, e até os dias de hoje, o turfe segue ocupando lugar destaque para um setor das elites, graças a sua capacidade de instituir mecanismos de status e distinção.

Nas imagens acima vemos um dia de páreos no hipódromo do Jockey Club, que se localizava no Bairro de São Francisco Xavier, no mesmo local onde fora fundado o pioneiro Club de Corridas. Podemos perceber que o público é mais representado do que aspectos da competição em si: apenas um conjunto (cavalo e jóquei) é exibido. Essa opção deve-se a duas razões: a) técnicas – as câmeras ainda não conseguiam captar determinados aspectos dada a velocidade da prova; b) simbólicas – exibir os assistentes e as figuras mais importantes da sociedade era o mais valorizado. Nas fotos acima vemos até mesmo a chegada do Presidente da República, Afonso Pena, e do Ministro da Indústria, Viação e Obras, Miguel Calmon, algo que se tornou comum não só na história das corridas de cavalos como dos esportes em geral.

.

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: